versículo “Ensina a criança no caminho em que deve andar... Proverbios 22:6 a

versículo “Ensina a criança no caminho em que deve andar... Proverbios 22:6 a

quinta-feira, 3 de março de 2011

SOBRE PERDÃO - CRIANÇAS

Olá amiguinho!
        Vou contar-lhe uma história muito interessante que penso vai te ajudar bastante.
        É a história de Maurício, que era um menino esperto, inteligente e amado demais pelos pais.
        Mais ou menos aos 10 anos de idade experimentou algo muito importante, a importância de perdoar e ser perdoado.
        Era época da Páscoa e se ouvia muito a respeito de perdão, amor, paciência, verdade, respeito, obediência, renúncia, pecado e muitas outras coisas.
        Ouvia na celebração que era tempo de reflexão, de olhar para dentro de si mesmo e enxergar como estava a sua vida.
        Maurício nunca deu muita bola para essas coisas, mas desta vez foi diferente, pois estava na Escola Bíblica e a professora falou sobre a importância dessas virtudes na vida de cada um. Mas também pensou consigo mesmo: - Para mim não tem problema, pois sou tão bom, tenho muitos amigos e nunca ninguém reclamou nada de mim.
        Comentou o assunto com seu pai, que deu-lhe uma idéia:
        - Primeiro peça a Deus para te mostrar o que precisa mudar em você. Em seguida, cada vez que descobrir alguma coisa a ser mudada pregue um preguinho do lado de trás da porta do seu quarto para que você nunca se esqueça disso.
         Bem, o tempo foi passando enquanto Maurício passou a ficar atento em si mesmo.
        E qual não foi a sua surpresa, começou a observar que tinha dificuldade de perdoar as pessoas. Nunca falava nada pra ninguém, mas a mágoa, a raiva, o sentimento de vingança, a vontade de “esganar”, a tristeza, invadiam seu coração quando alguém fazia algo que não lhe agradava.
        Cada vez que tinha esses tipos de sentimentos, colocava um preguinho na porta. Mas como esta ficava sempre aberta, quase não via os pregos que ficavam na parte de trás da porta, escondidos.
        Passado mais ou menos um mês, a mãe resolveu dar uma olhada no quarto de Maurício, foi quando levou um susto, porque a porta estava repleta de pregos na parte de trás.
        Chamou o filho e perguntou o que significavam todos aqueles preguinhos na porta. E foi então que Maurício levou o maior susto, pois, não havia mais lugar para mais nenhum prego.
        Conversando com sua mãe para explicar o sentido dos pregos, sua mãe lhe disse:
        - Filho, não basta você pregar os pregos na porta, você tem que se esforçar para mudar essa situação. Deve ficar atento para perdoar mais, ser mais compreensivo com as pessoas, mais paciente, pedir pra Deus te ajudar a esquecer o ocorrido, amar mais! E aí, cada vez que vencer cada uma dessas dificuldades e perdoar de verdade, vem no quarto e tira um preguinho.
        Assim ele fez. Até que um belo dia, quando foi tirar mais um preguinho da porta, que surpresa, não havia mais nenhum para ser tirado. Ficou tão feliz, que até chorou de tanta alegria!
        E você, gostaria de fazer essa mesma experiência? Talvez não possa furar a porta com pregos, mas pode escrever num caderno cada vez que errar, e riscar cada vez que acertar. Outra idéia, pegue uma caixinha de fósforo cheia e vá tirando os palitos cada vez que errar, e depois vá colocando novamente cada vez que acertar, que vencer a dificuldade. Legal não é?!
Aproveite agora para decidir ser melhor com você mesmo e conseqüentemente com as outras pessoas. Faça como Maurício, experimente!! Você pode ter muitas surpresas boas!!
        Mas para isso é preciso de algo muito importante, ser sincero com você mesmo, ser verdadeiro. Senão será impossível conseguir. Viver a sua verdade com você mesmo, Com Deus e com os outros. As três formas que te torna possível vencer essa “batalha”. Ah, e outra coisa, não experimente sozinho, mas sempre com o Espírito Santo de Deus, que te ajudará a ser fiel a você e a enxergar a verdade. Vá em frente que você conseguirá!!
        Deus te abençoe!
Obs. Ah, já ia me esquecendo, a história de Maurício não terminou. Aguarde o final na próxima semana!! Até lá!

Faça a Cruzadinha:
"Tendes ouvido o que foi dito: Amarás o teu próximo e poderás odiar teu inimigo. Eu, porém, vos digo: amai vossos inimigos, fazei bem aos que vos odeiam, orai pelos que vos maltratam e perseguem. Deste modo sereis os filhos de vosso Pai do céu, pois ele faz nascer o sol tanto sobre os maus como sobre os bons, e faz chover sobre os justos e sobre os injustos. Se amais somente os que vos amam, que recompensa tereis? Não fazem assim os próprios publicanos? Se saudais apenas vossos irmãos, que fazeis de extraordinário? Não fazem isto também os pagãos? Portanto, sede perfeitos, assim como vosso Pai celeste é perfeito".




Fonte:
http://www.montesiao.pro.br

Nenhum comentário:

Postar um comentário